quarta-feira, 1 de junho de 2016

Felicidade...

Diziam que a felicidade não era minha,
mas como explicar...estava ao meu lado,
me olhava, me flertava e era praticamente
uma vizinha. Uma felicidade ora prometida
e por tempo esperada...Era minha,  há tempos
procurava.
cilneia Felippe

4 comentários:

  1. Os sentimentos sentem-se!

    Magnífico poema!

    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  2. A procura da felicidade é um desejo universal que, quando se alcança, merece celebração até chegar a ser oesia. Passo para lhe deixar um abraço carinhoso, Neia.

    ResponderExcluir
  3. errata:
    ...até chegar a ser poesia...

    ResponderExcluir
  4. Que lindo, Neia! E vc ainda se priva de escrever, mais e mais!
    Que bom ter você no meu blog. Venha sempre, vamos nos animar a escrever mais, foi assim que nos conhecemos e vamos conhecer mais pessoas.
    Beijo, com muita amizade.

    ResponderExcluir